O crescimento exponencial de plataformas e dispositivos conectados à internet ao redor do mundo está nos conduzindo a um cenário de grande complexidade, no qual a sobrecarga de informações nas redes parece ser algo iminente. É nesse contexto desafiador que tecnologias como o Edge Analytics emergem, permitindo o processamento, recolhimento e análise de dados aconteçam nas proximidades da fonte.

A Internet das Coisas (IoT) e o Data Science, por exemplo, permitiram que empresas pudessem coletar e manipular dados de maneiras surpreendentes e criativas para impulsionar seu negócio. O volume impressionante de dados gerados por todos esses aparelhos e sistemas é um importante insumo para ter bons insights e guiar as tomadas de decisão.

Contudo, transferir essa quantidade numerosa de informações para os data centers ou para a nuvem é a questão. Uma vez que resulta em problemas com latência, conectividade e custos. Assim, um caminho para empresas é contar com o Edge Analytics como uma estratégia eficiente para lidar com o alto fluxo de dados gerando análises de qualidade em tempo real.

Quer saber mais sobre essa tecnologia, por que sua empresa deve ficar de olho nela e quais são suas principais vantagens? Continue a leitura deste post e saiba mais!

O que é Edge Analytics e qual a sua importância? 

Edge Analytics é um modelo de análise de dados no qual o processamento, a coleta e a interpretação das informações acontece na fonte. Dessa forma, evita que dados sejam enviados para um servidor ou para a nuvem para que essa manipulação aconteça.

Ao contrário dos métodos de análise tradicionais, o Edge Analytics foca na descentralização e na rapidez. Assim, acaba otimizando o processo de avaliação ao lidar com o volume de dados no próprio local onde ele é gerado. Também otimiza o processamento em redes ou dispositivos próximos, deixando transmitir para o servidor apenas o que é relevante.

Essa tecnologia ganhou a atenção de algumas empresas na medida em que dispositivos conectados em um modelo de IoT se tornaram mais comuns. Assim, uma mesma companhia precisava extrair seus dados de diversos aparelhos que geram uma quantidade assombrosa de informação. O que representa, paralelamente, algo difícil e custoso de gerenciar.

Nesse ponto, o Edge Analytics se torna um aliado ao oferecer uma estratégia para lidar com esse fluxo e fazer análises ricas em tempo real. Visto que, as informações não precisam ser transferidas para outro local. 

Afinal, é importante ressaltar que um grande montante de dados acumulados nos servidores resulta em um período mais longo de processamento e perde-se tempo com isso. Logo, contar com esse recurso é essencial para garantir que mineração de dados aconteça. Dessa forma, acaba colaborando para as tomadas de decisão na companhia.

Quais são seus principais benefícios?

Enquanto os negócios expandem e a demanda por dados para fomentar decisões cresce, empresas podem encontrar obstáculos na hora de coletar e gerenciar efetivamente informações que se acumulam em larga escala. Pensando nisso, o Edge Analytics é uma abordagem que apresenta soluções e vantagens

A seguir, conheça os benefícios mais importantes dessa tecnologia.

Redução da latência no processo de tomada de decisão

Um primeiro grande benefício do Edge Analytics é possibilitar a redução da latência da análise de dados. Em alguns ecossistemas, simplesmente não há tempo suficiente para que as informações sejam enviadas para um servidor remoto. Dessa forma, elas não são processadas de forma significativa e rápida.

Assim, os resultados das avaliações podem não chegar em um momento em que eles não causem um impacto expressivo no negócio. Logo, é mais eficiente manipular dados imediatamente na fonte ou próximo dela, do que esperar que eles sejam enviados para um ambiente central de análise.

Escalabilidade

Com o crescimento do número de aparelhos e plataformas, a quantidade de informações coletadas tende também a expandir exponencialmente. Esse acúmulo cria uma tensão e limita a performance dos recursos usados para processar tantos dados.

O Edge Analytics permite que as organizações ganhem escala com seu desempenho de minerar e analisar dados. E isso se dá, ao descentralizar os locais onde as informações são recolhidas.

Agilidade e performance aprimoradas

Um dos efeitos que o Edge Analytics proporciona é minimizar a largura da banda. Ou seja, a quantidade de bits que uma rede suporta ao transferir dados. 

Quanto mais dispositivos ligados à rede da empresa, maior será a transmissão de dados e a largura de banda necessária. Isso contribui não só para aumentar custos, como para também sobrecarregar as capacidades de processamento da instituição.

O Edge Analytics alivia esse problema ao evitar o excesso de carga na rede. Em paralelo, essa tecnologia viabiliza uma conectividade mais robusta, o que favorece a agilidade e previne que aplicativos e sites parem de funcionar ou sofram interrupções por conta de limitações na rede.

Mais segurança

A descentralização da avaliação de dados característica do Edge Analytics contribui para aumentar a segurança. Esse fato acontece porque, no caso de um ataque, é mais fácil desligar um dispositivo que está processando informações de forma localizada para controlar a situação, do que ter que derrubar toda uma rede ligada a um servidor centralizado. 

Essa manobra reduz riscos e ainda ajuda a empresa a mitigar os impactos de uma possível invasão.

Um grande desafio que muitas companhias enfrentam atualmente é como organizar sua estrutura para conseguir dar suporte a todos os tipos de aplicações, sistemas e dispositivos de IoT conectados a sua rede. Logo, implantar, gerenciar e otimizar dados em diferentes plataformas é uma decisão extremamente importante para essas empresas. 

Visto todos os benefícios que essa iniciativa garante, investir no Edge Analytics como uma abordagem para desconcentrar o processamento de dados é uma decisão essencial. Com ela você garante para o seu negócio:

  • ganhar mais conectividade e rapidez;
  • reduzir a latência;
  • ter acesso a insights e análises em tempo real.

Essas vantagens permitem uma gestão e tomadas de decisão mais inteligentes e seguras para as empresas.

Quer saber mais sobre Edge Computing? Preencha os dados abaixo que entramos em contato!

Eliezer Silveira Filho

Eliezer possui 15 anos de experiência em marketing, construiu sua carreira trabalhando em grandes empresas de tecnologia e foi nomeado um dos 3 melhores CMOs do mercado de TI, segundo a IT Mídia 2018. Na Azion desde o início de 2019, o executivo lidera a estratégia go-to-market da companhia globalmente.

edge-computingEdge Computing
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Agências Metas SMART: como aplicar esse conceito em agências
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Imobiliárias Inovação no setor imobiliário: o que podemos esperar
ABOUT THE SPONSORS
Azion

Fundada em 2011, a Azion permite que você construa e execute suas próprias aplicações serverless no Edge da rede, mais próximo a usuários e devices. A plataforma de Edge Computing da Azion é ideal para aplicações que exigem baixo tempo de resposta (latência) ou processamento de dados em tempo real.

[contact-form-7 id="21113" title="ebook"]