Desmistificando o nomadismo digital

Entenda como funciona o nomadismo digital para empresas e para profissionais

Existe uma dificuldade cada vez maior em se manter o modelo de trabalho tradicional. Aquele em que você sai de casa todos os dias, enfrenta filas no trânsito, ônibus e trens lotados até um escritório acinzentado sem janelas. Em paralelo a esse modelo, surgiu o nomadismo digital, que está chegando para ficar.

transformação digital é a principal responsável pelas mudanças nas relações de trabalho atualmente, fazendo com que surjam novas oportunidades e tipos de relacionamento entre empresas e colaboradores.

Pensando nisso, criamos este post incrível exatamente para mostrar a você o que é o nomadismo digital e como esses profissionais estão aumentando e serão algo comum em um futuro próximo. Continue conosco e boa leitura!

O que é nomadismo digital

O nomadismo digital é uma experiência relativamente nova de viver e trabalhar sem estar enraizado em lugar algum, ou seja, sem um endereço fixo. Esse novo tipo de relação de trabalho remoto surgiu principalmente, graças à popularização da internet e ferramentas de cloud computing.

A computação em nuvem permite o uso de soluções que se encontram em servidores remotos e podem ser acessadas a qualquer tempo e local, basta que o usuário tenha consigo um dispositivo eletrônico e acesso à internet.

Já podemos ter como verdade o fato de que o nomadismo digital está aumentando e este é o futuro de muitas profissões. Por meio das novas tecnologias já é possível realizar reuniões, trabalhar em equipe e desenvolver todo o tipo de atividade a distância.

Com isso existe a possibilidade de viajar e conhecer outras culturas enquanto se trabalha. Essa é a essência do nomadismo digital. Permitir que o profissional passe por diversas experiências de vida sem ter de deixar o seu trabalho.

Antes da popularização da internet, existiam pessoas que viviam dessa forma, no entanto, a cada nova cidade e país era necessário encontrar um novo emprego ou ocupação para viver.

Hoje, os nômades digitais têm um emprego fixo em empresas, geralmente algo ligado à tecnologia, e viajam pelo mundo enquanto realizam as suas atividades normais, melhorando muito a sua qualidade de vida.

Como se inserir nessa nova realidade

Nem todas as profissões permitem que o profissional se torne um nômade digital. Muitos empregos ainda necessitam que você bata o ponto na empresa todos os dias e caso queira mudar essa realidade é preciso buscar por alternativas.

Entre os profissionais mais comuns dentro do trabalho remoto estão os freelancers, programadores, blogueiros, escritores, fotógrafos, profissionais de SEO, entre outros profissionais que trabalhem com a criação de conteúdo digital.

Ou seja, muitas das profissões surgidas por meio da transformação digital e novas tecnologias. O primeiro passo para se tornar um nômade digital é a busca por se inserir nesse mercado de trabalho.

O ideal é procurar por cursos rápidos de capacitação, não perder tempo com um diploma de faculdade, que pode ter o seu valor na busca por um emprego formal, mas pode não ajudar você a se transformar em um nômade digital.

Outra opção é se tornar um dos empreendedores digitais que hoje dominam a internet. Eles podem gerir os próprios negócios e equipe de modo online, sem estar presos a um escritório o tempo todo. Hoje, com a globalização, esse modelo de gestão tem sido cada vez mais utilizado, permitindo até a composição de equipes multiculturais espalhadas pelo mundo.

Ser um nômade digital pode parecer um sonho para qualquer um. Conhecer diversos lugares sem a necessidade de largar o seu emprego é realmente uma oportunidade única. No entanto, é preciso sabedoria para lidar com os vários desafios.

Nomadismo digital vs. Novas leis trabalhistas

Quando falamos do nosso país e como as coisas funcionam, ou deveriam funcionar, sempre temos de ter em mente uma palavra — burocracia. Recentemente as leis trabalhistas mudaram e isso facilitou a vida daqueles que buscam uma posição em home office, o que permite o nomadismo digital.

Hoje, os trabalhadores que estão nesse regime contam com a possibilidade de fechar um contrato com a empresa, que lhe garante os mesmos direitos dos profissionais com carteira assinada.

Além disso, existe a possibilidade de acordo em relação às horas de trabalho e em que momento essas horas devem ser disponíveis, permitindo assim a flexibilização da jornada de quem faz home office.

Entre os principais benefícios para quem faz freelance ou é um profissional liberal estão:

  • home office regulamentado;
  • jornadas parciais;
  • inexistência de uma cláusula de exclusividade;
  • remuneração por produtividade.

Desafios de um nômade digital

É claro que a vida de um nômade digital não são apenas flores e viagens incríveis. Para tornar-se um profissional de home office já é preciso uma mudança radical, para viver sem um endereço fixo, a disciplina tem de ser maior ainda.

O mundo é um lugar cheio de distrações e é preciso manter o foco para poder pagar as contas no fim do mês, afinal, ser um nômade digital não é apenas viajar e conhecer novas culturas. É preciso trabalhar muito também.

O primeiro desafio para quem escolhe este estilo de vida é desapegar-se de coisas comuns para todos nós. Uma casa, um carro, fins de semana visitando os pais são raros.

O nômade digital não costuma possuir bens além de seus equipamentos de trabalho — um bom notebook, um dispositivo móvel e quem sabe mais alguns periféricos. Roupas e sapatos apenas o necessário, pois a qualquer momento você pode mudar de cidade, quem sabe de país e não terá como levar tudo o que adquiriu. Não cria raízes em lugar algum.

Ser um nômade digital também demanda muito foco e disciplina, afinal, mesmo viajando e conhecendo novos lugares é preciso manter uma rotina fixa de trabalho e garantir as entregas e produtividade. Trabalhar enquanto viaja não é como estar de férias o tempo todo. É preciso sempre estar atento aos horários de trabalho. Você terá tempo para aventuras após finalizar as suas responsabilidades.

O nômade é o dono de seu próprio tempo, ele pode decidir ficar em um lugar até conhecer tudo, e então decidir o próximo ponto que deseja visitar, não é preciso pressa.

Como visto, o nomadismo digital vem se tornando cada vez mais comum e hoje é muito fácil encontrar pessoas que praticam essa nova modalidade de vida e trabalho. Com a transformação das relações de emprego será um sonho possível para grande parte da população em um futuro próximo.


Continue aprendendo

Empreendedor Digital | Programador

É um programador que gosta de criar negócios digitais. Com um estilo de vida de Nômade Digital, trabalha remotamente para ajudar as empresas na sua Transformação Digital enquanto viaja pelo mundo. Sempre em busca de conhecimentos, procura estar a frente do mercado para que possa tomar decisões assertivas.