O que é Cloud Computing e como ela vai afetar o nosso futuro

Cloud Computing

Talvez você não a conheça por este nome, mas ela está mais presente em sua vida do que pensa! Você sabe o que é Cloud Computing, ou Computação em Nuvem?

Ao acessar as redes sociais, compartilhar documentos com outras pessoas e ouvir músicas a partir de um servidor como o iTunes, você está acessando conteúdos que não estão na memória do seu computador, mas na memória de outro, que pode se localizar em qualquer lugar do mundo.

Você já deve ter usado também o Dropbox e o Google Docs para criar, editar e compartilhar documentos com a sua equipe. Esses serviços são fornecidos por outra empresa e acessados pela Internet, facilitando muito a integração em diversos trabalhos.

Exatamente onde o hardware e o software estão localizados e como tudo funciona são detalhes que não importam para o usuário, porque não interferem nessa experiência pelo espaço virtual.

Quer saber mais sobre o assunto? Continue a leitura!

O que é Cloud Computing

A definição de Cloud Computing, em simples palavras, é uma forma de armazenar e acessar dados e programas pela Internet.

São diversos serviços de TI entregues através de conexões on-linesoftwares, infraestrutura, recuperação de dados, entre outros. Utilizamos esses serviços em nosso dia a dia, mas, quando pensamos em adotá-los para nossas empresas, permanece uma certa desconfiança, principalmente quando se trata da segurança dos dados.

O que você talvez não imagine é que, hoje, muitos profissionais de TI acreditam que um sistema baseado em nuvem é bem mais seguro do que um convencional.

Ao comprar um serviço do Google, da Amazon ou da Microsoft, você compra junto a tecnologia mais moderna de segurança de dados. Nesse caso, a segurança seria o melhor argumento para se contratar esses serviços, e não para evitá-los.

Por que a segurança na nuvem não é mais uma preocupação

O início da implantação e do conhecimento das novas tecnologias é sempre conturbado e incerto, e por isso é que são necessários períodos de testes.

As primeiras tentativas de se fornecer serviços de nuvem podem ter entregado um serviço mais flutuante, que deixasse as empresas apreensivas; porém, esse cenário mudou muito com o passar dos anos.

A ideia de guardar os arquivos de sua empresa em uma nuvem pode causar calafrios, já que esses dados podem ser armazenados em qualquer lugar do mundo e podem ser acessados por qualquer pessoa que tenha autorização para isso.

Entretanto, o armazenamento em nuvem vem ganhando a confiança de muitos usuários porque tem comprovado a capacidade de entregar seus arquivos a um servidor e garantir que eles não sejam roubados e nem perdidos em caso de algum problema ou desastre, que é o termo mais utilizado.

Seria mesmo um desastre perder todos os dados de sua empresa, e é por isso que os novos servidores fazem backups automáticos e os enviam para servidores diferentes, em caso de algum deles falhar.

Esses backups acontecem em tempo real, diferente do que muitas empresas fazem, gerando-os de forma periódica. Se nesse intervalo de tempo algo se perder, não será recuperado. Na nuvem, esse risco não existe.

Garanta que o serviço que escolher ofereça uma boa criptografia e demais metodologias de segurança, assim como serviços de backup que sejam eficientes e disponibilidade de suporte técnico para quando precisar resolver eventuais problemas.

Implantar um sistema de nuvem é realmente muito seguro, mas, caso não esteja totalmente convencido, faça um período de testes para que todos os funcionários conheçam e se adaptem ao novo modo de trabalho.

Como a Cloud Computing tem revolucionado o mercado

Uma das principais razões para que o mercado esteja adotando a Cloud Computing é que ela dispensa esforços por parte da empresa para gerenciar ou dar manutenção em aplicativos. Se houver qualquer problema, é o responsável pelo serviço que terá que consertar.

Outra vantagem é que, como o tamanho da nuvem é teoricamente infinito, é possível contratar uma certa capacidade e, se necessário, aumentá-la quando quiser. O acesso a todos os aplicativos e serviços é feito de qualquer lugar em que se tenha um dispositivo conectado à Internet.

Os investimentos em hardware caem porque a parte mais pesada do processamento de dados fica na nuvem e basta um navegador com boa conexão para acessar o que deseja.

Não é preciso se preocupar em comprar licenças de softwares e depois ainda ter que atualizá-los, nem com vírus e backups de seus arquivos. O servidor faz isso por você.

O principal objetivo é que você se concentre em seu trabalho e no foco de seu negócio e deixe que ele forneça toda a base de computação.

Para contratar qualquer serviço, é muito rápido: basta acessar o site do que precisa, escolher e pagar como qualquer outra compra na Internet. Alguns serviços de nuvem são gratuitos e podem ser utilizados a qualquer momento.

Sendo assim, faz parte da decisão dos gestores atentar ao que é o melhor para sua empresa: uma nuvem pública, privada ou híbrida.

As redes públicas são as mais conhecidas, como Google e Amazon, e elas geralmente disponibilizam seus serviços mais básicos de forma gratuita e cobram caso haja necessidade de mais espaço.

As privadas são redes que podem ser acessadas de forma semelhante, mas que requerem uma conexão mais segura, através do sistema VPN, possibilitando integrar redes, intranet, banco de dados e infraestrutura já existentes.

Redes híbridas são aquelas que mesclam essas duas modalidades e podem ser interessantes para que os custos não fiquem tão altos.

Conhecendo o perfil de sua empresa e como ela lida com a gestão de dados, é possível delinear uma estratégia na qual a nuvem supra o espaço necessário e trabalhe para agilizar e integrar todo o ambiente.

Pesquise o melhor provedor para que suas expectativas sejam atendidas e busque sempre tirar todas as suas dúvidas com o suporte fornecido.

O futuro e a Cloud Computing em sua empresa

Além dos tipos de rede, existem três tipos de sistema na implantação da nuvem: Softwares (SaaS), plataformas de desenvolvimento (PaaS) ou infraestruturas inteiras de TI (IaaS).

Esses tipos de implantação variam de acordo com o tamanho de sua empresa e têm um custo relativo ao que ela vai utilizar. Contratar uma infraestrutura inteira de TI pode ser mais caro, mas também pode compensar por não haver a necessidade de montar um departamento específico para isso localmente.

Conectar sua empresa e seus dados em qualquer lugar do mundo, poder interagir com seus funcionários e controlar todas as ações de vendas de qualquer computador, tablet ou smartphone, de forma segura e rápida, é o que a Cloud Computing oferece.

As empresas que a adotam seguem as tendências do futuro, colocando-se à frente em eficiência e modernidade, oferecendo um ambiente flexível para os seus funcionários e encaixando-se num modelo que beneficia empresas ao redor do mundo com uma ferramenta certa para o sucesso.

Gostou de saber o que é Cloud Computing?

No Portal Transformação Digital, você encontra tudo o que precisa para garantir a presença de sua empresa no espaço virtual de forma muito fácil. Siga-nos nas redes sociais e acompanhe todos os artigos sobre inovação, tecnologia, startups, marketing e muito mais. Estamos no FacebookYoutubeInstagram e Linkedin!