Como se qualificar durante a Transformação Digital

Entenda quais as principais qualificações para a Transformação Digital e o futuro do mercado de trabalho

Conseguir se manter atualizado e preparado para as necessidades do mercado de trabalho nunca foi tarefa fácil, mas em um cenário de constantes e meteóricas mudanças, o desafio é ainda maior e mais importante.

Repare, desafio maior não quer dizer impossível. Vamos falar sobre como se qualificar para o mercado durante a era da Transformação Digital ao longo desse artigo, acompanhe!

Se qualificando para a Transformação Digital

Muitas pessoas ainda relutam em aceitar as mudanças que esse novo cenário trouxe no mercado de trabalho, mas um fato incontestável e irreversível é que essas alterações tecnológicas vieram para dominar o mundo dos negócios.

E com a Transformação Digital, em expansão por todo o mundo corporativo, optar por uma carreira se tornou um exercício que exige rápida adequação às tecnologias e tendências.

Para se ter uma ideia da velocidade das mudanças que esse novo cenário traz para os profissionais, a diretora da consultoria BMC no Brasil, Marcia Nakahara, afirma que 54% das ocupações que existirão já em 2019 ainda não foram criadas.

Isso não quer dizer que um bom profissional de hoje perderá seu emprego até lá. E sim que ele provavelmente deverá se adaptar a novas funções e habilidades.  

Mas, com essa imprevisibilidade e atualização de áreas e funções, como estar preparado? Nós separamos algumas dicas que podem te ajudar:

Entenda o que é a Transformação Digital do mundo corporativo

Resumidamente, a transformação digital é um fenômeno mundial de mudança na sociedade, inclusive nas corporações que passam agora a empregar as ciências da computação como fator primordial no aprimoramento de suas performances.

Assim, para conseguir implementar e adotar esses recursos digitais, as empresas passam a demandar ainda mais por profissionais que atuem bem com tecnologia.

Setores como big data, internet das coisas, tecnologia de nuvem e blockchain se transformarão em recursos da rotina dos negócios e corporações. Assim, apostar nos estudos nessas áreas pode ser o ideal para sair na frente!

Também é muito importante saber que o processo de aplicação dessas novas práticas é dividido em três ciclos: Digitização, Digitalização e Transformação Digital.  Importante, pois os profissionais do futuro participarão da transformação nesses três momentos.

Por isso, explicamos melhor cada ciclo:

Digitização

Podemos definir a etapa de digitização como o momento de converter dados analógicos para digitais.

Pensando no cenário corporativo, seria o momento de adotar uma gestão moderna e digital de processos, sistemas de pagamentos, documentações, arquivos de usuários, controle de estoque, etc.

Treinar os colaboradores nessas ferramentas ou contratar pessoas que já tenham esse conhecimento deve ser o foco das empresas.

Digitalização

Este estágio já é mais abrangente e pode ser definido como o processo de empregar os novos recursos computacionais para trazer melhorias para empresa e para os clientes.

Aqui é a fase em que as empresas começam aplicar no dia a dia dos negócios conceitos como Big Data, SaaS, Business Intelligence, Design Thinking, entre outras técnicas avançadas.

Se especializar nessas áreas, com certeza, te fará um profissional diferenciado e muito valorizado.

Transformação

O último ciclo de transformação digital pode ser resumido como a etapa em que aparecem as consequências desse processo todo. Tanto no modelo de negócios e na atuação da empresa, quanto para os clientes.

Um grande exemplo é do Airbnb, que aplicando essa transformação, revolucionou o setor de hotelaria, trazendo novas possibilidades de experiências em hospedagem para milhares de pessoas.

As transações digitais exigem soluções e respostas rápidas a novas demandas e problemas. Isso acaba impulsionando muitos executivos a investirem no desenvolvimento de seus próprios softwares ou sistemas.

Aqui, os profissionais de TI e desenvolvimento se destacam e passam a ser procurados por empresas de diversos setores como saúde, indústria, comércio e bancário.

Investir em preparação na área de TI pode ser um divisor na sua carreira durante a transformação digital.

Comece a se preparar (Quando? Ontem)

Como falamos nos tópicos anteriores, o profissional está envolvido nos três ciclos da Transformação Digital e, por isso, deve se preparar para participar dessas mudanças.

Em geral, os profissionais não serão substituídos por máquinas, como previam os mais pessimistas, mas sim deverão ser eles a usarem essas “máquinas” na busca pelos melhores resultados.

É o caso, por exemplo, do especialista em robótica e IoT, que será procurado por empresas de diversos setores para desenvolver soluções inovadoras que realizem tarefas manuais.

Além do foco no aprendizado de tecnologias, o profissional da era da transformação digital deverá ser capaz de se adaptar facilmente.

Assim, além de saber quais serão as profissões do futuro, ele também deverá pensar em como utilizar os recursos tecnológicos fazer o que ele já faz hoje de maneira mais efetiva.

Habilidades necessárias

Além do conhecimento e prática no uso de tecnologias, o profissional da era digital deverá ter algumas competências e habilidades que facilitarão o sucesso. Nós listamos para você conferir aqui:

  • Foco no cliente: saber trabalhar com a orientação total ao melhor atendimento e experiência ao cliente será cada vez mais valorizado em todos os setores;
  • Flexibilidade: como falamos nos tópicos acima, saber se adaptar rapidamente às mudanças de práticas e ferramentas já é fundamental para o novo cenário corporativo;
  • Comunicação e colaboração: equipes colaborativas são uma tendência cada vez mais fortes em empresas inovadoras. Portanto, saber se relacionar e comunicar com colegas, parceiros e clientes é essencial;
  • Visão crítica: saber fazer e receber avaliações críticas é uma habilidade muito útil para empresas que querem sempre crescer. Ter essa característica já te tornará mais apto ao trabalho na era digital;
  • Criatividade: o que antes era uma habilidade de setores específicos, como o de criação, a criatividade hoje está presente em todos os momentos e setores de empresas de sucesso!

Atualização constante

Se antes apenas os profissionais de alta tecnologia se preocupavam em estar sempre atualizados nas novas linguagens e ferramentas, agora essa prática deverá se expandir para qualquer trabalhador.

Como as mudanças são cada vez mais dinâmicas, os trabalhadores devem estar antenados para não ficarem desatualizados.

As empresas também devem se preocupar com isso, investindo na formação e capacitação de colaboradores, seja criando programas de treinamento ou incentivando a participação em cursos, eventos e encontros.

Conclusão

Como vimos, a transformação digital está mudando muito o mercado de trabalho atual, mas isso não quer dizer que você não terá o seu emprego no futuro.

O fato é que os profissionais devem começar a se preparar para a transformação digital, investindo em conhecimento em tecnologia, novas ferramentas, práticas e metodologias, além de desenvolver habilidades valorizadas como criatividade, flexibilidade e foco no cliente.

Continue aprendendo

 

Analista de Marketing de Conteúdo e Inbound na Impacta Treinamentos

Bruno Saes é Redator Publicitário e Analista de Marketing de Conteúdo e Inbound no Grupo Impacta Tecnologia, que há 30 anos trabalha para a transformação digital de pessoas e empresas por meio da educação de qualidade!