UI: o que é e como tem o poder de impactar o seu negócio

Entenda o que UI, qual sua importância na era da Transformação Digital e como utilizá-lo em suas aplicações

Se você já ouviu algumas coisas sobre UI Design, sabe que é algo muito importante para as empresas de tecnologia. Essas corporações sempre devem levar em consideração as melhores alternativas para vencer a competitividade no mercado. Mas o que é UI de fato?

Provavelmente já tivemos experiências ruins com aplicações mal projetadas e de difícil uso. Para conhecer mais sobre essa área e descobrir o que é UI? Então leia o texto abaixo!

O que é UI?

O termo UI é geralmente acrescido da palavra Design e quer dizer, em sua totalidade, Design de Interface do Usuário. Dentre os primeiros passo geralmente tomados em direção à transformação digital dentro de uma empresa, estão definir quais os aplicativos necessários a serem criados e desenvolver o projeto de UI dessas aplicações.

O UI é composto essencialmente por uma série de elementos visuais utilizados pelo usuário para realizar a interação com o dispositivo ou aplicação digital. O objetivo de um projeto de UI é fazer com que o interagir do usuário e o aplicativo seja o mais suave, intuitivo e simples possível.

Para isso, devem ser aplicadas algumas características básicas de interface, tais como espaçamentos adequados, gráficos atraentes, funcionalidades bem desenvolvidas, elementos leves, layouts bem organizados, entre outros pontos.

A tarefa de desenvolver uma interface que atinja o objetivo de ofertar a melhor experiência aos usuários não é fácil, e para isso cada vez mais empresas estão investindo em profissionais qualificados nessa área.

Como funciona?

Para desenvolver uma interface para um aplicativo, o primeiro passo é realizar um levantamento de requisitos com os usuários finais da aplicação, com a finalidade de verificar quais são os seus anseios com o sistema.

Após esse levantamento, se inicia o desenho de cada uma das telas de forma individual, onde o Designer UI utilizará um guia de estilo criado para adequar todo o sistema em um padrão único.

Entre as principais tarefas existentes nesse ponto estão:

  • projetar o layout das telas e suas interações;
  • considerar o tamanho de telas onde se renderizará o aplicativo;
  • projetar elementos de auxílio como botões e formulários;
  • determinar cores e tipos de letras a serem utilizados por padrão;
  • criar animações;
  • projetar a interatividade de cada elemento em tela;
  • estabelecer o guia de estilo.

A etapa de desenho é a mais demorada de todo o processo, pois é aqui que a maioria das atividades são realizadas. Os pontos determinados nessa fase serão utilizados em todo o desenvolvimento do novo sistema.

O passo seguinte é a prototipagem, onde serão criadas páginas com as informações determinadas na etapa de desenho e será realizada uma verificação junto aos usuários para avaliação da receptividade do layout e suas interações.

Caso algo não saia como o esperado ou não se comporte como foi previsto, é possível realizar alterações no desenho. A prototipagem é importante para avaliar a interface antes de sua publicação para produção, o que em caso de não aprovação em determinado ponto, ocasionaria um maior transtorno para readequar o projeto se o mesmo for publicado sem a revisão necessária.

Benefícios para os usuários

Existem uma série de benefícios que garantem conforto e praticidade ao se preocupar com o desenvolvimento de uma aplicação intuitiva e de fácil utilização por parte dos usuários. Entre elas podemos citar como principais:

Aumento de confiança

Todo usuário espera por uma boa experiência quando utiliza uma aplicação, mesmo que inconscientemente. Sistemas que apresentam uma difícil compreensão e navegação acabam por ser rejeitados pelos usuários.

Um aplicativo que apresenta uma rápida navegação e itens bem planejados e distribuídos em tela possuem maior aceitação dos usuários. Além disso, a curva de aprendizado acaba por ser menor, o que provoca mais segurança no manuseio do sistema.

Leia também: Futuro do Desenvolvimento: o que são Progressive Web Apps (PWAs)?

Declínio da curva de aprendizagem

Sistemas mal planejados se tornam um grande problema dentro das empresas, seja pela dificuldade que novos usuários possuem para se adaptar, seja pelas confusões no uso de suas funcionalidades.

Com a utilização de UI no desenvolvimento de software, todos os elementos do sistema estarão distribuídos de modo a facilitar a identificação, evitar as confusões e diminuir consideravelmente a curva de aprendizagem.

Melhora da consistência

O propósito do UI é transmitir com segurança ao usuário o objetivo específico de cada item dentro do sistema. Para tal, essa disciplina permite que em uma pequena revisão o usuário consiga identificar a solução para a sua demanda.

Ressalta-se que os itens dentro da aplicação devem manter um padrão familiar que auxilie o usuário nessa identificação e facilite assim o seu trabalho ao solucionar qualquer dificuldade que possa prejudicar a sua produtividade.

Diferença entre UI e UX

Uma das principais dificuldades de quem trabalha com o desenvolvimento de software é realizar a diferenciação entre esse dois pontos tão importantes. Na verdade, essa dificuldade vem do fato de que a UI é parte integrante da UX e os seus objetivos se confundem.

As duas disciplinas tentam entregar a melhor experiência ao usuário de forma diferente. Enquanto a UI se preocupa exclusivamente com a navegação e a maneira como o usuário interage com a aplicação, o UX está preocupado com a experiência. Desta forma, para o UX, o que importa é entregar uma experiência única ao cliente.

A importância do UI na Transformação Digital e sua relação com a experiência do cliente

Após citar como funciona a UI e sua aplicação dentro de um projeto de desenvolvimento de software, fica muito fácil perceber a sua importância para a transformação digital.

Os sistemas criados pelas empresas atualmente para seu uso interno, para a disponibilização para o público externo ou até mesmo a comercialização para clientes, devem ser pautados nas práticas de UI. Esse conceito proporciona a aceitação rápida pelos usuários e diminui a curva de aprendizado necessária para lidar com a nova aplicação. Desta forma, garante melhores resultados para a empresa.

Agora que você sabe realmente o que é UI e quais seus benefícios, hora de melhorar a experiência dos usuários de seus produtos!

 

Diretor de Criação no Portal Transformação Digital

Diretor de arte há mais de 8 anos, diretor criativo no Portal TD, com experiência em branding, UX/UI Design, ilustração, fotografia, mídias digitais e tradicionais. Mencionado em sites importantes sobre design e ilustração como Abduzeedo, Behance e DeviantArt.