Transformação digital e a geração Z: o marketing para os nativos digitais

Geração Z

Que a transformação digital está revolucionando a forma das empresas fazerem marketing, você já sabe.

Além de mudar o consumo, ela está moldando o nosso jeito de lidar com a tecnologia.

Portanto, as empresas que não se esforçarem para entender o novo consumidor serão deixadas de lado.

No RD Summit 2017, o Avinash Kaushik da Google falou sobre como os millennials e os nativos digitais estão se tornando uma grande parte da audiência das empresas.

Além disso, ele também ressaltou que os jovens estão “aniquilando” práticas de marketing que se tornaram obsoletas.

Se isso te preocupa, preciso te dizer que agora é a hora de procurar saber mais sobre quem são esses novos consumidores e como lidar com eles. Então, para saber mais sobre isso, continue lendo esse artigo!

Conheça a geração Z

Quando pensamos que nos acostumamos com os millennials, uma nova geração que está mais conectada e digitalizada surge.

De acordo com Forbes, a geração Z abrange 25% da população mundial atual.

Essa é a geração da tecnologia, multimídia e digital. Quem nasceu nela já foi inserido no meio das redes sociais e dos dispositivos com conexão instantânea à Internet.

Portanto, o meio online sempre fez parte da vida deles. Isso significa que esses indivíduos têm um equilíbrio quase natural entre a vida real e online.

Além disso, eles são conhecidos por ter uma visão mais realista do mundo. Isso, pois eles estão mais preocupados com o meio ambiente e serão os mais afetados pela economia sob demanda ou gig economy.

O Generation Z: The final generational leap, estudo recente da Atrevia and Deusto Business School, descobriu que essa geração se destaca pela forma de usar tecnologia e por ser altamente qualificada em inovação e empreendedorismo.

Nesse sentido, a geração Z terá um impacto definitivo sobre as empresas devido à sua capacidade de conectar com pessoas de diferentes culturas e diferentes formas de pensar. O trabalho de freelancer também será muito valorizado por esses jovens.

De acordo com um relatório “geração Z: the next generation of talent” da Universium, 55% dos adolescentes de 45 países do mundo gostariam de iniciar sua própria empresa.

Com esses dados, podemos perceber como o meio digital afetou a forma das pessoas perceberem as oportunidades no mundo.

Geração Z versus Millennials

Falamos de geração Z e Millennials, mas você sabe a diferença entre os dois?

A primeira diferença pode ser encontrada no ano em que nasceram.

O período de tempo, incluindo os anos 80 e início dos anos 90, corresponde aos millennials ou geração Y. Temas como a criatividade, experiências e a defesa dos valores sociais desempenham um papel importante na forma como eles tomam decisões.

Já a geração Z, são aqueles nascidos de 1995 até agora. Os seus valores baseiam-se na preservação do ambiente, comunicação digital, empreendedorismo e economia.

Ambas as gerações foram afetadas pela crise econômica, alguns já adultos e outros ainda crianças.

Um relatório da Adecco descobriu que 31% dos jovens procuram garantir estabilidade financeira em curto prazo. No entanto, dessa porcentagem, apenas 4% dos Millennials consideram isso necessário em comparação com 29% da geração Z.

Para a geração Y, a nova geração Z é preguiçosa e viciada em redes sociais, embora apoiem o ideal de mudar o mundo ao se voluntariar e eliminar o preconceito.

Por outro lado, a geração Z respeita e admira a geração Y, mas sente que eles estão atrasados ​​nas mudanças das comunicações digitais.

No entanto, apesar de suas diferenças, eles aprendem uns com os outros, compartilhando opiniões e experiências em comum.

Precisamos entender que esta nova geração já está aqui entre nós, e eles são um tesouro cheio de informações e novas idéias.

Características da nova geração

A geração Z é a personificação do consumidor imediatista e digital.

Eles estão mostrando seu impacto na força de trabalho e como podem desafiar as gerações mais antigas.

Conheça as 4 principais características da geração Z e como eles vão mudar os negócios.

01. Eles têm fortes relações globais


A geração Z sempre foi cercada por uma rede de conexões sociais por meio dos celulares, e-mail, redes sociais e assim por diante.

Essas conexões deram uma sensação de poder e confiança que as outras gerações nunca experimentaram antes.

Com isso, eles têm uma ampla gama de conexões internacionais e relacionamentos com pessoas de diferentes origens religiosas, políticas e socioeconômicas.

Portanto, quando essa geração se juntar à sua empresa, ela já terá vários contatos de centenas de pessoas do exterior.

02. Eles são rápidos aprendizes

A internet forneceu para a geração Z uma variedade de experiências de aprendizado.

A capacidade de simplesmente procurar uma resposta no Google deu para essa geração um novo senso de controle e poder para se envolverem em um aprendizado independente.

Além de serem próximos do conhecimento técnico de qualquer tipo de dispositivo, os indivíduos da geração Z são inteligentes sobre as pesquisas nos mecanismos de busca.

Eles tem poderes quase instintivos sobre como navegar, processar e divulgar informações na web, uma vez que a habilidade foi praticamente inata.

Isso certamente poderia representar uma ameaça para algumas das gerações mais antigas, já que a geração Z faz projetos e atribuições mais rápido do que nunca.

03. Eles se preparam para o trabalho dos sonhos

A geração Z se prepara para o trabalho mais cedo, porque eles são altamente motivados e estão bem cientes que a obtenção do emprego dos sonhos é uma tarefa difícil.

Os membros mais antigos dessa geração estão na faculdade e alguns estudantes do ensino médio já estão em estágios e programas de aprendiz.

Uma pesquisa da Fortune afirma que 32% da geração Z se esforçam para o trabalho de seus sonhos em vez de simplesmente assumirem qualquer trabalho. Algumas escolas já estão introduzindo assuntos de tecnologia para as crianças desde cedo, estimulando o interesse e colocando eles a frente de muitos Millennials.

Além disso, essa nova geração também é conhecida por personalizar coisas e saber como lidar com os problemas que envolvem o digital.

04. Eles não têm medo de serem diferentes

Inseridos nos negócios, os membros da geração Z se afastam de ambientes e tradições de negócios estereotipados.

Eles desafiarão ambientes mais antigos para se tornarem mais atualizados e vão influenciar os negócios a se transformarem digitalmente.

Antigos serviços de tecnologia não serão aceitos pela nova geração, então é melhor você estar pronto para ter uma tecnologia mais moderna, como o compartilhamento em nuvem.

Eles estão buscando oportunidades de crescimento e não hesitarão em fazer as próprias coisas. Além disso, as criações deles podem forçar marcas maiores a fazerem mudanças tecnológicas para se adaptarem.

Conclusão

Devido ao seu forte fundamento técnico e capacidade de olhar, refletir e redefinir as gerações passadas, a geração Z representa uma perspectiva nova e ousada.

Os membros mais antigos estão se formando na faculdade e utilizarão o conhecimento adquirido nos seus negócios futuros.

Eles são mais rápidos para adaptar e implementar essas tecnologias do que quaisquer outros membros de outras gerações. As mudanças serão feitas à medida que a tecnologia continue a evoluir rapidamente.

Se quiser saber mais sobre a evolução da tecnologia digital e os impactos dela na sociedade, confira este artigo sobre a estratégia de transformação digital no olhar do Diego Gomes, CMO da Rock Content.

Produtora de conteúdo da Rock Content

Redatora, publicitária e amante da transformação digital. Escrevo para o blog de inteligência da Rock Content e sou leitora assídua de pesquisas do mundo inteiro.