O avanço das tecnologias na área da saúde vem beneficiando profissionais e pacientes. Com a transformação digital, o setor está se tornando cada vez mais próspero, otimizando a conscientização sobre doenças, diagnósticos, prognósticos e melhorando o acesso a tratamentos médicos. Confira algumas das principais tecnologias em desenvolvimento que vêm sendo incorporadas no setor, segundo a Entrepreneur.

Inteligência Artificial

Atualmente, percebe-se grande parte dos especialistas discutindo como a inteligência artificial tem facilitado as atividades de empresas e indústrias. Por enquanto, ainda são poucos os estabelecimentos de saúde que começaram a receber a ajuda da IA, mas sua aplicação já vem demonstrado resultados positivos. Na área médica, a inteligência artificial tem ajudado no agendamento de consultas, reuniões de acompanhamento, diagnósticos, monitoramento de pacientes e até mesmo em cirurgias.

Blockchain

O Blockchain tem facilitado o compartilhamento e manutenção de dados em sistemas de registro descentralizados, ao contrário dos registros médicos eletrônicos, acessados localmente. Com a tecnologia de Blockchain, as informações podem ser compartilhadas, monitoradas e controladas de qualquer lugar, com maior segurança e privacidade.

Acompanhamento digital

Hoje, a tecnologia também possibilita o acompanhamento médico, reduzindo a necessidade de marcações de consultas. Diversas startups têm desenvolvido aplicativos que colocam médico e paciente em contato, permitindo o compartilhamento de resultados de exames, prescrições, relatórios e desenvolvimento dos casos. Com o fornecimento de informações de forma simples, as soluções se apresentam com grande utilidade para que os profissionais possam avaliar determinadas condições médicas e possam agir de forma rápida e eficiente.

Dispositivos médicos inteligentes

No mercado já estão disponíveis diversos dispositivos com tecnologia inteligente para detectar doenças e monitorar o uso de medicações. Com sensores integrados, os wearables são capazes de monitorar dados biométricos, como frequência cardíaca e temperatura corporal, trazendo conveniência e facilidade para os usuários finais, que podem se manter atentos aos sinais de seus corpos, e aos médicos, que podem desfrutar de informações precisas.

Como pode ser observado, a digitalização tem papel importante na saúde, e a previsão é de que os investimentos sejam cada vez maiores. Para os especialistas, a evolução tecnológica será responsável por transformações em todo o setor, incluindo pacientes, profissionais, hospitais, distribuidoras e indústria.

saudeSaúde
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Transporte Carros autônomos podem ameaçar companhias aéreas, diz pesquisa
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Futuro do Trabalho Geração Y dominará a força de trabalho já em 2020
[contact-form-7 id="21113" title="ebook"]