A capacidade de liderar de forma transformadora é uma das principais habilidades necessárias para o sucesso dos negócios. A história mostrou que esses líderes dão grande valor aos seres humanos e fazem com que o mundo avance, já que são capazes de inspirar e motivar mais pessoas para alcançar os seus objetivos. Em última instância, a liderança transformacional exige que os líderes tenham uma compreensão profunda de si mesmos e saibam do impacto que as suas ações têm sobre os outros.

Confira as três características da liderança transformadora, segundo o FutureofCIO:

Estímulo intelectual

Líderes transformadores sabem como inspirar, atrair e influenciar as pessoas. Eles praticam uma liderança aberta, têm uma mentalidade focada no crescimento, estimulam o aprendizado, reforçam a comunicação e a colaboração entre as equipes e constroem um ambiente de trabalho positivo. Dessa forma, esses líderes são capazes de criar novos valores e atitudes, impulsionando a criatividade e deixando para trás costumes e tradições que já não servem mais para o mundo de hoje.

Com empatia, os líderes transformadores fazem com que as pessoas entendem que fazem parte de algo maior, e não são apenas responsáveis por manter a empresa funcionando. Pensando nisso, essa liderança abraça a diversidade, inspira a imaginação, estimula a criatividade intelectual e incentiva o pensamento livre e a experimentação.

Visão sistêmica

Os líderes transformadores são capazes de fazer mudanças nos níveis individual, relacional e sistêmico simultaneamente. Na prática, porém, frequentemente a mudança é feita com base na melhoria de uma parte da organização às custas de outras.

Ao contrário do que acontece geralmente, os líderes transformacionais são aqueles que têm traços de personalidade e de negócios com base em uma compreensão profunda da interconectividade dos sistemas e da dinâmica de relacionamento entre diferentes partes. Na verdade, esses líderes gostam de ouvir pontos de vista diferentes para descobrir pontos em comum e, só a partir disso, criar o seu próprio.

Além disso, os líderes transformadores conseguem conduzir conversas entre os negócios, personalizar o diálogo e criar projetos sistemáticos para construir uma transformação digital eficiente. Eles também são capazes de enxergar padrões que outras pessoas não conseguem, percebendo a hiperconectividade e a interdependência entre as partes e o todo e gerando novas perspectivas para as empresas.

Impacto coletivo

Para alcançar a transformação digital, é preciso muita energia. Os líderes transformacionais geralmente são movidos por um propósito maior, por isso conseguem construir o progresso coletivo. Comumente, eles rejeitam pensamentos e estruturas convencionais, pois sua visão busca a atualização de regras, a mudança de mentalidade e a renovação da cultura – etapas cruciais para impulsionar a verdadeira transformação digital.

Segundo os especialistas, a digitalização precisa ser tocada por líderes transformacionais. Por isso, o conselho é que as organizações encontrem aqueles profissionais que se atrevem a pensar de forma mais ampla e sejam capazes de prosperar em inovação.

gestaoGestão
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Smart Cities Sustentabilidade Transporte Como os carros autônomos podem transformar as nossas vidas?
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Sustentabilidade Tecnologia Nos EUA, energia eólica já é mais barata que gás natural
[contact-form-7 id="21113" title="ebook"]