A diferenciação e a alta adaptação das ferramentas tecnológicas à rotina pessoal e profissional tem sido responsável por novas tendências de comportamento e traz impactos profundos ao mercado e ao cenário corporativo. Em um contexto de disrupção digital, é necessário e inadiável que empresas de diferentes segmentos e perfis desenvolvam estratégias efetivas de transformação digital e novos modelos de negócio.

O relacionamento com o consumidor é uma das áreas que requer inovação. O consumidor 3.0 é muito conectado com a internet e tem o hábito de compartilhar boas experiências com as marcas.

Ele está muito mais empoderado, em um mundo online e acessível a poucos cliques e na palma da mão. Entre 2012 e 2016, estima-se que o uso de smartphones tenha dobrado em todo o planeta e aumentado 3,5 vezes só no Brasil.

E o que dizer das redes sociais?

Uma realidade em que brotam canais de comunicação com a potencialidade de diferenciar o contato das marcas com seus clientes. E as redes sociais são uma dessas crescentes possibilidades de estabelecer pontes estratégicas, aprimorando o relacionamento com o cliente.

A Social Media Trends, realizada nos meses de outubro e novembro de 2017, indicou que nada mais, nada menos que 94% do público que respondeu à pesquisa acessa diariamente os perfis mantidos em redes sociais, sendo que 38% passam mais de 4 horas diárias, em média, navegando nas redes. O que faz com que 62% das empresas ouvidas considerem muito importante o papel desempenhado pelas redes sociais para os negócios.

E quem está de olho na visibilidade e no alto potencial de interação que significam as redes sociais, precisa ter em mente, acima de tudo, que não basta marcar presença. Agilidade, flexibilidade e eficiência são pontos que fazem o consumidor optar por se relacionar com as marcas usando esses canais. Sendo assim, é preciso ser estratégico para usá-los na construção de bom relacionamento.

Usando as redes para turbinar o relacionamento com o consumidor

01. Preste atenção no timing

O tempo de resposta é muito importante. Procure ser ágil nos feedbacks de posts e mensagens. Nos casos em que não é possível oferecer respostas mais imediatas, informe uma estimativa de tempo em que a questão será atendida.

02. Tenha foco e atenção em ouvir

Nesse sentido, tudo começa em estar atento ao que é dito sobre a sua empresa nas redes sociais. Acompanhe a reputação da sua marca, monitorando comentários, análises e avaliações e transforme todos esses dados em feedbacks para melhorar sua atuação e aprender com críticas e sugestões. Outro aspecto importante é acompanhar a conversa até o fim. Jamais deixe com o cliente com a sensação de abandono.

03. Interaja

Os consumidores também gostam de marcas ativas, que participam das conversas e propõem assuntos. Então, engaje-se em canais de discussão que tenham a ver com seu negócio. Pergunte, comente e incentive a participação.

04. Seja profissional

Ainda que sejam canais informais, é preciso muito cuidado para que a abordagem seja um ponto favorável à imagem da sua empresa. Revise conteúdos e respostas e tenha sempre delicadeza e linguagem bem equilibrada, aproveitando a dinâmica das redes sem abandonar a característica de business.

05. Seja criativo

Ir além é uma excelente receita para conquistar quem interage com os perfis das empresas. Surpreenda nas respostas e seja pessoal. Fugir das respostas padrão é fator de sucesso. Procure toques de pessoalidade, deixando claro que o cliente não está recebendo um atendimento robotizado e inumano.

06. Conheça e se relacione com o público

Aproveite as redes sociais para conhecer quem se interessa pela sua marca. Mapeando preferências e perfis, você estabelece ações de relacionamento com o consumidor alinhadas às expectativas e necessidades que os fazem fechar negócio. É o caminho para estratégias de e-mail marketing e campanhas promocionais e de desconto acertadas.

07. Alie-se às ferramentas

Nesse processo de construir e nutrir contato com seu cliente via redes sociais, a tecnologia também é sua aliada. Os chatbots, ferramentas automatizadas de atendimento, já podem ser integrados aos perfis corporativos de redes sociais.

O uso desses softwares inteligentes simula conversas com atendentes humanos e incorpora eficiência. Com essas ferramentas, você atende a demanda por um contato mais pessoal e singular, usando canais e horários mais convenientes para a experiência do consumidor.

Siga as dicas e colha os benefícios das redes sociais como caminho de potencialização de negócios e construção positiva de relacionamento com o consumidor.

Willians Oliveira

CCO na Huggy Formado em Sistema da Informação, promotor de ecossistemas de empreendedorismo, apaixonado por tecnologias e padrões. Gosta de compartilhar conhecimentos e experiências em todas as áreas.

atendimento-digitalAtendimento Digital
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Saúde Qual é o valor da transformação digital na saúde?
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Vendas Ofertas: o que isso representa na experiência do consumidor
[contact-form-7 id="21113" title="ebook"]