De acordo com informações do G1, o novo modelo de carteira de identidade já está disponível em oito estados – Goiás, Mato Grosso, Acre, Maranhão, Ceará, Rio de Janeiro, Paraná e Rio Grande do Sul – e no Distrito Federal. Com previsão de implantação em todo o país até março de 2020, o sistema permite a inclusão de 12 documentos em um só. Além disso, o RG conta com QR Code, incorporado para a autenticação das informações.

Apesar da novidade já estar em circulação, as carteiras de identidade antigas continuam valendo. A emissão do novo RG é destinada apenas para quem vai retirar a primeira via ou renovar o documento. “Padronizou-se a confecção da carteira: o material, o tamanho, onde é a localização da foto, da digital, assinatura, a confecção, os critérios de segurança que são inseridos nela”, explicou Júlio da Silva, do Instituto de Identificação de Goiás.

Segundo os órgãos responsáveis, a carteira de identidade pode incluir até 12 documentos:

Nome Social
Fator RH (tipo sanguíneo)
CPF
DNI (Documento Nacional de Identificação)
CNS (Cartão Nacional de Saúde)
NIS / PIS/ PASEP
Certidão Militar
CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social)
CNH (Carteira Nacional de Habilitação)
Título de Eleitor
Identidade Profissional

Vale destacar que, para a inclusão, o interessado deve levar as vias originais de cada documento aos postos de atendimento.

setor-publicoSetor Público
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Futuro do Trabalho Recursos Humanos Transformação Digital Conhecimento em IA será fundamental para o trabalho, diz Dell
Educação Jurídico Eu Na Facul: Evento online mostra oportunidades de carreira para quem deseja entrar na universidade
Startups Empreendedorismo com inovação: por onde começar
[contact-form-7 id="21113" title="ebook"]