WordPress: um grande aliado da sua agência

Wordpress

Você já deve ter presenciado essa cena: o briefing mal chegou no e-mail e o atendimento já está surtando: “O cliente quer um site”. Antes de entrar em pânico e sair fazendo cotações desesperadas, você já pensou em usar WordPress? Sim, eu disse WordPress.

wordpress

Apesar de ser uma plataforma que se popularizou com os blogs pessoais, o WordPress é muito mais do que isso. Não à toa, é o CMS mais popular do mundo. Cerca de 26% dos sites da web são desenvolvidos usando WordPress, isso significa 75 milhões de sites publicados, aproximadamente (e esse número não para de crescer). Em comparação com outras plataformas de CMS do mercado, o WordPress tem 58% do market share.

o WordPress tem 58% do market share

É possível resumir a fórmula do sucesso do WordPress em uma palavra: usabilidade. Descomplicação é a keyword desse CMS, tanto para desenvolvedores como para usuários. É uma das poucas ferramentas que atendem as necessidades de iniciantes e profissionais. Os recursos e as possibilidades já estão ali, você só precisa entender o objetivo do seu cliente e começar a adaptar. Mas, antes de começar, separamos algumas dicas e sugestões para aproveitar a ferramenta da melhor maneira possível.

WordPress não faz milagre!

Como já foi dito, a fama do WordPress chegou com o boom dos blogs pessoais. Se você quer um blog, com alguns cliques você já tem estrutura, layout e plugins prontos para o uso. Mas, não é o nosso caso, certo? Por isso, apesar de toda a facilidade em não precisar começar o código do zero, um bom site WordPress precisa sim da ajuda de um desenvolvedor. Então, nada de substituir seu time DEV pelo WordPress, entendeu?

Dev pelo wordpress

Um bom time técnico também é fundamental no processo de esboçar a estrutura do site. Com um bom briefing e um time técnico bem alinhado com a ferramenta, dá pra eliminar o processo de esboço com pedidos impossíveis. Se você chegar no cliente com um site já encaminhado e sugestões alinhadas com o que ele precisa, há grandes chances do seu projeto não atrasar (ou atrasar o menos possível).

Um bom time técnico também serve para lembrar que um site precisa ser muito mais do que bonito. Ele precisa ser funcional, rápido e, principalmente seguro. Aliás, dependendo do tipo de campanha do seu cliente, segurança é um item fundamental no plano de contenção de crise. Confira algumas dicas essenciais para deixar seu site WordPress mais seguro.

Nós amamos plugins <3

Quem nunca participou de um projeto que era uma coisa e virou outra no meio do processo que atire a primeira pedra! Era só um site de conteúdo, mas alguém dentro do cliente pediu para incluir uma coisa, depois outra e, no fim, virou um e-commerce, com conteúdo, campanha e cadastro de promoção. Ufa!

wordpress

Do ponto de vista de recursos, o WordPress não é nada engessado. É possível criar plugins e recursos especialmente pensados para o projeto do seu cliente. Se o projeto passa a incluir um e-commerce, por exemplo, o WooCommerce (plugin do WordPress e uma das plataformas de e-commerce mais usadas no mundo) é a salvação da lavoura. Como tudo que deriva do WordPress, o ponto alto do WooCommerce é a customização. Tá tudo lá: recursos, ferramentas e temas.

In open source We Trust

O WordPress é uma ferramenta open source, e está em constante desenvolvimento. Isso quer dizer que sempre haverão bons profissionais trabalhando para melhorar as questões de performance, segurança e usabilidade da plataforma. Isso ajuda a manter o site sempre atualizado, com  novos recursos e ajustes de melhora de desempenho constantes. Para grandes campanhas, desempenho é fundamental e, no fim das contas, tudo que seu cliente quer é o site funcionando bem.

Outra grande vantagem em usar WordPress é que os materiais sobre desenvolvimento com esse CM são bem ricos, basta dar um Google que chove tutorial (inclusive em português!). Assim nenhum pequeno erro ou atualização vira uma crise.

Todo site precisa de manutenção

Independente de quanto tempo o site ficará no ar, manutenção é fundamental. Lembre-se que o WordPress está sempre se atualizando. Se por um lado isso é incrível, por outro seu site pode quebrar sem a manutenção necessária. Então nada de cortar do orçamento essa parte, tá legal? De novo, tutorial não substitui a experiência e a agilidade de um bom DEV (de nada, amigos!).

dev

Uma boa equipe pronta para resolver erros e criar atualizações de maneira ágil e quase imperceptível para o usuário final, evita estresse desnecessário com o cliente e deixa ele muito mais seguro para os próximos projetos. Além do mais, nada pode ser mais danoso para um site do que um problema de performance. Então, antes de cair no velho clichê de “tá lindo, mas tá lento”, veja essas dicas aqui.

Cuidar da hospedagem você deve

De nada adianta um site lindo, cheio de conteúdo relevante e recursos incríveis, mas hospedado em qualquer lugar. Encare uma boa hospedagem como investimento e prevenção de crise – os clientes têm urticária quando ouvem essa palavra, use sempre que precisar convencê-los a investir um pouco mais. Além da questão de performance, uma hospedagem ruim deixa a segurança do seu site muito vulnerável.  WordPress é seguro, mas um único Jedi não é capaz de enfrentar todos os Stormtroopers do Império sozinho, né? Acredite: nem o melhor DEV do mundo usando a força é capaz de enfrentar uma péssima hospedagem.

wordpress

E, se sua agência mantém diversos sites e inúmeros clientes, outra dica importante é escolher uma hospedagem que ajude no momento de gerenciar tantos projetos. Encontrar um ambiente onde é possível administrar recursos, investimentos e soluções, de uma forma simples e clara, pode ser um diferencial e tanto. Afinal, nada mais estressante do que contratar um hosting de uma empresa, e-mails de outra, precisar realizar uma manutenção ou cobrança e perder muito tempo nesses processos. Somos suspeitos para falar, mas na Umbler é possível agilizar (e muito!) seus projetos com um painel projetado para a realidade das agências (e com até R$100 em créditos para testar). Fica a dica!

Mobile tem que ter!

Em 2017, site responsivo é mandatório. De acordo com a última pesquisa realizada pelo IBGE, em 2016, 92,1% dos domicílios brasileiros acessaram a internet por meio do telefone celular. Nesse ponto, o WordPress é duplamente vantajoso. Além de todos os sites desenvolvidos na plataforma se adaptarem ao mobile, você pode desenvolver aplicativos dentro do WordPress. Isso possibilita a interação do seu site e do seu app. E nem é tão complicado assim, veja aqui.

Em layout, menos é mais

Em projetos para marcas, nem sempre usar um tema já pronto do WordPress é uma boa opção. Na maioria das vezes, existem regras de layout e branding que precisam ser seguidas. Mesmo assim, lembre-se que um bom layout também é essencial para a performance do seu site. Peça para seu DEV estudar as melhores opções, como evitar grandes quantidades de arquivos em CSS e JS, por exemplo. Um site bonito, mas lento, afasta os usuários e diminui a conversão. Aí não adianta chorar na hora de fazer o relatório.

Ei, psiu! Não esqueça da segurança

Tá achando repetitivo falar de segurança? Calma, que tem mais! Se depois de todo o investimento para deixar seu site tinindo e seguro, você for lá e criar uma senha com “seunome1234”, todo o esforço pode ir para o ralo. Gestão de senhas é algo sério! Para não dizer que a gente não avisou, confira algumas dicas úteis e essenciais para criar senhas seguras.

wordpress

Acredite, WordPress pode salvar seu cronograma de entregas! Com todos os recursos, você consegue deixar o processo mais rápido e ágil, além de focar seus esforços em outros aspectos importantes. Mas, não se esqueça: nenhuma ferramenta substitui uma boa equipe. Elas são apenas facilitadores para diversas etapas da entrega de um projeto.

Ficou algumas dúvida sobre WordPress? Deixe nos comentários.

Produtora de conteúdo na Umbler

Jornalista, produtora de conteúdo e social media apaixonada pelo mundo digital. Tá nessa só pelos memes e descobertas.​